GENÉRICOS CRESCERAM 23,6% EM 2007


25/02/2008

A redução de até 50% no preço dos medicamentos genéricos faz os consumidores optarem, cada vez mais, pela compra desse tipo de medicamentos. O aumento foi de 23,6% das vendas do produto nas farmácias, no ano passado, na comparação com 2006 - o equivalente a R$ 794 milhões. Os dados são da Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), que conta com associadas em quase todas as cidades do Grande ABC, menos em Rio Grande da Serra. O crescimento é maior que o observado na comercialização de medicamentos em geral, que teve alta de 14% no período, totalizando R$ 5,7 bilhões. O crescimento das compras de genéricos, no entanto, foi de 23,6%. Apesar do alto ritmo de crescimento, a participação dos genéricos nas vendas totais das farmácias ainda é pequena, aumentou de 13,96% em 2006 para 14,52% no ano passado. Em valores, os medicamentos genéricos representaram cerca de R$ 3 bilhões e, os de marca, R$ 20,6 bilhões, segundo dados da Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa (Interfarma).



◂ VOLTAR